quarta-feira, 26 de julho de 2017

É sério mesmo tudo isso?
É sério mesmo toda essa pose?
É sério mesmo todo esse status?
É sério mesmo toda essa falsa elegância?
É sério mesmo toda essa lucidez?
E todo esse cálculo inútil?
E toda imaginação jogada fora?
E todas as viagens não idas?
E todas as histórias sem fins?
E todas as contas não pagas?
E todas as bebidas não tragadas?
E todas essas ruas desertas?
E todo o resto, tantas palavras, foram todas ditas?
Ah...bobagens, mentiras à toa, ilusões de quinta
Português escrito errado, rimas engasgadas
Nada tão sério, de fato, risos no ar, lágrimas sob o rayban
Garrafa pela metade, copo cheio e Chico ao fundo
Estrada de novo, o futuro é logo ali.


Nenhum comentário:

Postar um comentário